@brftwist
Sex Swing Menage
Posts
263
Last update
2021-05-12 15:26:18

    1º menage nosso...

    By: Corninho Feliz

    Olá, meu nome não é tão importante, mas podem ficar sabendo desde já que sou um corninho feliz. 

    Lendo relatos de maridos que adoravam ver suas esposas com outro despertou em mim tambem esta vontade de ver minha esposa com outro, isso aumentava cada dia mais e sempre que eu ia transar com ela ficava pensando em como seria se outro estivesse ali no meu lugar metendo na sua bucetinha, e nisso eu gozava como louco

    Minha esposa tem 24 aninhos e eu 35 ela tem 1,65 56 kg morena cabelos meio loiros, peitinhos pequenos e uma bucetinha linda que quando ela coloca short apertadinho sua xaninha fica muito linda.

    Certo dia decidi contar pra ela minha fantasia pois a cada dia que passava meu tesão aumentava mais em ver ela com outro na minha frente, é claro que tinha ciúme e receio de que ela me trocasse por outro, mas fui conversando com casais que ja tem experiencias e fui me acalmando e só ficava com um pouco de ciúmes em imaginar ela dando pra outro, fazendo tudo que ela faz comigo e mais um pouco.

    Mas meu tesão era maior, até que tomei coragem em falar pra ela esta meu desejo, claro que ela achou que eu tava doido, ficou com raiva uns tres dias, deixei de lado essa conversa por uma semana

    Então eu falei novamente pra ela depois de uma tansa nossa e ela me perguntou de onde eu tirei esta ideia, foi então que falei pra ela deste site e dos contos publicados nele e convenci ela a ler alguns, na mesma noite ela leu uns cinco contos (aqui do Te Contos) que eu tinha separado, e vi que seu semblante mudou um pouco, então perguntei a ela o que achou e ela me respondeu que gostou muito, só que ficou me perguntando que seria verdade ou não, então comecei a beijar ela e perguntar se fosse verdade, é claro ja metendo a mão na sua xaninha e ela estava toda molhadinha então eu disse:

    - vc gostou nê safada…

    Ela sorriu e disse que sim, naquela noite fudemos como dois animais ela gozava como nunca, e ficava falando pra ela imaginar outro ali metendo nela ai que ela mexia mais e mais.

    Depois mais ou menso 2 meses eu sempre falava sobre minha fantasia propus a ela arranjar um pra come-la, e ela ficou paralisada é claro, relutou mas concordou que se fosse mesmo arrumar outro pra ela teria que ser com alguem que nos nunca vimos, então disse que iria arranjar, claro que ela naum acreditou muito e dizia que na hora eu não iria deixar ela dar pra outro, então eu disse:

    - vou arranjar, mas eu tenho que ver e tirar umas fotos de vc com outro…

    Ela disse:

    - já que vc quer, depois não vai reclamar que te trai, pois é vc que quer

    Nesta hora ja tava com pau duro feito pedra que fui logo tirando a roupa dela e metendo e ela ja estava toda meladinha.

    Publicamos fotos nossa em um site de encontro de casais e sempre recebíamos propostas mas não tinha achado algum do jeito que ela queria, até que 1 mes depois de nosso anuncio recebemos uma mensagem de um coroa de 46 anos, ela sempre gostou de caras mais velhos, boa pinta e não usava palavras de baixo escalão na mensagem, ela se interessou respondemos a ele e mantiamos contato sempre por whats e ele sempre educado até que foi nos passando confiança.

    Então falei com minha esposa que poderiamos marcar com ele na hora que ela quisesse, é claro deu um calafrio nela pois por zap é uma situação mas pessoalmente é outra.

    Até que marcamos com ele numa quarta a noite as 21:30hs num barzinho no outro lado da cidade pra ter certeza de que não iria aparecer nenhum conhecido, antes de nos arrumarmos, ela ainda me perguntou se iria continuar com isso, eu disse que queria ja com pau duro ela pegou nele, e disse:

    - safado, então vc vai escolher com que roupa eu vou

    Fui até sua parte do amario peguei um vestido comportado mas ousado e não vulgar pra não dar na cara, uma langerrie preta de amarrar de lado com pouca transparência mas ousada, ela se perfumou toda e eu ali vendo tudo com pau como pedra, pegamos o carro e fomos para o local marcado é claro com uns 15 minutos de atraso devido ao nervosismo nosso.

    Ao chegar fomos logo conhecendo, moreno claro pocos cabelos na barriga tinha mais ou menos 1,70 de altura bem vestido, e ele educado me comprimento, comprimento ela com um beijo na mão, e la é claro muito nervosa e eu tambem é claro pois tava levando minha esposinha pra outro macho comer, mas o tesão era muito maior.

    Ficamos mais ou menos uma hora bebendo vinho, ela adora vinho,comendo petiscos falando sobre diversos assuntos e ela falava tambem mas bem pouco, até que começamos a falar sobre sexo, minha esposa ja tava com a mão suando, e comecei a falar da fantasia e ela sempre me ouvindo com muita atenção de vez em quando olhava pra ela e elogiava e ela sorria

    Depois de mais meia hora devido ao vinho que ela tava tomando ela começou a se soltar falando mais, então ele pro iniciativa própria pediu a conta ele mesmo pagou se levantou e disse:

    - então vamos sair daqui pra um lugar mais reservado

    Na hora gelei e pensei:

    agora fudeu daqui a uns 20 minutos este cara vai tar metendo na minha esposinha linda na minha frente…”

    Mas não tinha como voltar atraz ja era tarde, ela olhava pra mim ja com um pouco do efeito do vinho e dizia:

    - vc quis agora ja era…

    Fomos pro meu carro, ela sentou no banco da frente e ele no de trás andei 50 minutos parei o carro eles ficaram me olhando meio sem saber o que fazer, então eu disse pra minha esposinha:

    - desce e vai junto com ele no banco de tras pra vcs irem se conhecendo melhor

    Eles sorriram e segui em frente é claro ele sentou coladinho dela, a caminho do motel via pelo retrovisor central eles conversando bem baixinho, quando vi ele beijar seu rostinho lindo bem suave meu coração que ja estava disparado quase saiu pela boca, em seguida vi eles se beijando como namorados ai fui a loucura, mas não podia voltar atrás, dava pra ouvir a respiração ofegante dos dois, meu pau neste momento estavo feito rocha, imagina meu amigo leitor sua esposinha linda com outro macho prestes a comer ela na sua frente!

    Chegamos ao motel eles deceram ja abraçadinhos como namorados e eu fique pra tas olhando a cena com muito ciume e muito tesão, ao entrar ele não disse mais nada e nem ela, fiquei vendo eles se beijarem ele acariciando seu corpo ainda vestido e ela apertando o dele e eu ali em pé sem ação não sabia se sentava ou se ficava em pe olhando ou me retirava, então pra eles ficarem mais a vontade fui ao banheiro, tirei toda minha roupa tremendo como vara verde

    E quase gozando fui bem devagar olhando com a camera na mão e tocando uma bem de leve pra não gozar logo, vi ele levantando o vestido dela passando a mão em suas pernas e deixando ela só de calcinha e sutien, ela tirou sua camisa sua calça deixando só de sunga, seu pau não era muito grande, mas de bom tamanho, ela acariciando seu pau, então ela começou a chupar seus peitinhos lindos que so eu tinha chupado ate aquele momento, ela começou a punhetar ele bem devagar e eu ali perto deles pelado tocando uma

    Depois ela mandou ele deitar e começou a fazer um boquete que nunca vi ela fazer comigo, fiquei pasmo em ver minha esposinha chupando, depois foi a vez dele, olha é uma cena que nunca vai sair de minha memoria, ver ela sendo chupada por outro ali na minha frente e ainda gemendo bem gostoso

    Logo em seguida ela ja deitada ele começou a desamarrar a calcinha dela, soltou um lado, com seu pau direcionado na bucetinha dela deu uma pincelada e ela pedindo pra meter, então foi enfiando bem devagar e ela se ajeitando para penetrar mais

    Olha confesso que me deu vontade de chorar ao ver minha esposinha DEBAIXO DE OUTRO GEMENDO e gostando, eles estavam fazendo papai mamae tão gostoso bem devagar e num ritmo tão suave que eu chegava tremer de tanto ciumes e tesão ao mesmo tempo

    Ele metia tão suave que não se ouvia o barulho do saco batendo na sua bundinha linda, eles sebeijavam como dois apaixonados enquanto ele socava bem gostoso nela

    É a cena mais linda que ja vi em toda minha vida, minha esposinha debaixo de outro gemendo, ele sabia como meter era um profissional do sexo e ela chegava virar os olhos em seguida ela gozou como nunca havia gozado comigo, ouvia os gritinhos dela debaixo dele, e ele segurando pra não gozar

    Então ela deitou e pediu pra ela sentar, amigos, se vcs nunca vira uma mulher cavalgar gostoso, ela cavalgou como nunca, ela subia e descia ai pra frente e pra traz pro lado e pro outro e de vez em quando me olhava e dizia:

    - ta gostando amor..

    Quando ela começou a gozar de novo eu não aguentei e gozei dando gritos de tesão e ele ria da minha cara e dizia:

    - vai corno, goza com punheta que eu gozo dentro de tua mulher seu corno…

    E meu pau não baixava de jeito nenhum e ela rebolando ainda mesmo depois de ter gozado logo ele começou a urrar de tanto gozar dentro dela com camisinha é claro

    Depois de exaustos foram tomar banho juntinhos os dois e debaixo do chuveiro ele sentou no chão e ela sentou em cima e começou a cavalgar de novo, gozando outra vez e fazendo ele gozar de novo,

    Depois dese dia ainda não saimos com mais ninguem, mas se acharmos podemos quem sabe sair de novo, ainda ficamos olhando as fotos e gozando muito relembrando nosso primeiro menage, adoro rever as fotos e bater punheta relembrando este lindo dia.

  • Enviado ao Te Contos por Corninho Feliz
  • aussiejimi-deactivated20181216

    MeWe

    If anyone is migrating to MeWe from tumblr can you please reblog this with your MeWe username so we can find each other there ?

    Cheers

    redhotqld

    RedHot QLD

    mathius76

    Love bugs

    kilippcpl

    kilipp cpl

    gong64

    Gong 64

    amandacraig69

    AmandaCraig69

    dans1983

    We are Ozcouple Qld on MeWe 😊

    nonamespls

    Nonamespls nonamespls

    kinkywifey69

    Sir’s LittleLady

    missdarla6

    Miss Darla6

    vixen82stag73

    BBC HOTWIFE ALY

    clitlicker21

    Clitlicker 21

    bbwpumpkinmaster

    Pumpkin Master

    reluctantwife78

    Reluctant Wife

    orgulhocorno

    Desabafo a respeito de comedores

    (AUTOR DESCONHECIDO)

    Cada dia que passa está mais difícil achar solteiros bacanas, pois a grande maioria tem o mesmo pensamento, não têm educação e não estão nem aí pra fantasia do casal.

    Esposa liberada não é bagunça, marido liberal não e otário. Casamento liberal, da forma que seja, é cumplicidade, algo que quem os trata dessa forma jamais terá, pois só querem gozar e que se lasque o casal.

    Vocês acham que usam nossas esposas , mas os usados são vocês, pois elas brincam com vocês e acabou.

    Os maridos que as tem, o marido que tem o amor o carinho , sexo qualquer um faz , pensem nisso e mais respeito com os casais.

    ksalkumplice

    Perfeito!

    cornodapyetra

    Achei interessante e compartilhei. Ainda existem os “sem noção”…

    papajoao

    Mais pura verdade. O que mais têm é homem que não consegue aproveitar a sorte.

    sigilosc

    O prazer em primeiro lugar é sempre para a esposa.

    mansodadry

    exatamente adorei isso

    JOGO DE CASAIS

    Hoje irei contar uma experiência que eu e meu marido tivermos Somos casados a 16 anos sempre tivemos um bom relacionamento Mas de uns tempos pra cá estávamos dedicando muito nosso tempo aos filhos e trabalho estávamos deixando a relação esfriar Foi então que conhecemos o mundo do swing Sempre fui muito ciumenta dona de casa muito certinha Nunca me imaginava fazendo coisas desse tipo Mas quando conhecemos nossa ralação por incrível que pareça começou a pegar fogo Temos um casal de amigos nossos melhores amigos na verdade que tbm nos acompanhava nessas casas de swing mas nunca tivemos nada um com os outros Mas um dia decidimos fazer algo diferente Fomos ao motel fazer jogos de casais Meu marido curti muito essas brincadeiras eu já sou mais ansiosa gosto de ir direto ao ponto Mas tbm gosto das preliminares Bom começamos a fazer o jogo estava muito nervosa pois não queria ver meu marido com outra pessoa ainda mais minha melhor amiga Que sempre achei ela bonita por sinal Magra alta seis grandes ela chamava atenção Mas tbm pude observar que o nosso amigo não tirava os olhos de mim estava pulsando de tesão dava para vê no olhar dele a ansiedade que ele estava em me pegar Não sou tão alta e não tenho seios grandes mais tenho uma bunda que meu marido sempre elogia por ser grande e durinha uma cintura fina e sou loira meu marido adora loiras Bom começamos o jogo já estava mais solta pois estava já bêbada E o jogo era girar a garrafa e em quem caísse era o casal que ia realizar alguma coisa que havíamos escrito no papel Bom meu marido foi o primeiro a começar e o jogo era vendar ele e ele tentar adivinhar de quem era o carinho que ele estava recebendo Nessa hora já estávamos quase todos nú E então caiu que minha amiga que havia de fazer o carinho nele e eu que tinha que escolher o que ela fizesse Estava nervosa mais queria curtir aquele momento então mandei que ela chupasse todo o pau do meu marido que colocasse todo aquele pau gostoso na boca dela Foi quando ela começou a chupar meu marido nossa foi uma mistura loca de tesão e ciúmes ficamos ali parados eu e o marido de minha amiga observando a cena em quanto meu marido que estava vendado estava curtindo uma chupada Como a regra do jogo era de apenas 1 minuto logo acabou aquele boquete gostoso Giramos entao novamente a garrafa e caiu eu e minha amiga Nossa eu e minha amiga …. Nunca fiquei com mulher alguma Mas estávamos curiosas por essa experiência e começamos nos pegar ali na cama ela começou a me chupar nossa que tesão foi aquele muito loco Fui a loucura com ela me chupando e eu acariciando os peitos grandes e durinhos dela e meu esposo e o amigo dele nao se contiam de tanto tesão de ver aquela cena de nós duas na cama Pois nosso tempo acabou Logo giramos de novo e caiu meu esposo novamente com minha amiga eu eu pedi para que ele esfregasse nela mais que nao colocasse e foram para a cama os dois Ele deitado e ela em cima dele ela esfregava o bucetinha dela toda molhada no pau do meu marido Enquanto eu estava de pé na cama observando a cena Foi quando senti o marido da minha amiga que já não estava mais aguentando de tesão pois ele quase não havia brincado foi quando ele me pegou por trás e enfiou o pau dele com tudo em mim e eu não sabia se rebolava gostoso na pica dele ou se olhava meu marido esfregando na minha amiga Meu marido olhou pelo espelho do teto e viu o amigo dele me comendo foi quando ele decidiu tbm comer a minha amiga E dali em diante estávamos todos cheio de tesão e fomos os quatro para a cama e eu e minha amiga decidimos nos pegar primeiro largamos eles e fizemos sexo nós duas foi muito louco Mas logo voltamos para nossos parceiros e gozamos gostoso Foi uma experiência que nunca na minha vida poderia me imaginar Mas a partir daí meu casamento esta intenso não posso mais encostar no meu marido que ja pegamos fogo parece que estamos no início do casamento

    Swing – Como Começar a Vida Liberal

    Temos percebido que a falta de informação pra quem quer começar no meio liberal acaba prejudicando muitos casais. Alguns se decepcionam, outros desistem e já ouvi histórias de casais que passaram até por situações de perigo. Tudo pela falta de orientação. Pensando nisso, elaboramos um pequeno manual que vamos chamar de “como começar” com algumas dicas para o casal que pretende entrar no mundo swinger. Sugerimos que o casalleia junto e discutam as próprias ideias, como se estivessem fazendo um exercício preliminar. Preparados? Aqui estão elas:

    Amar o seu companheiro

    Em primeiríssimo lugar! Isso significa respeitá-lo em seus limites, respeitar o tempo dele e manter o diálogo aberto, sempre. O swing começa em casa com uma boa conversa sobre os desejos e os limites de cada um.

    Seja discreto

    O swing ainda é um tabu na sociedade e ninguém quer ser alvo de críticas e/ou preconceito. Muita badalação em torno da palavra swing espanta muitos casais que procuram se preservar.

    Nunca marque encontros sem o consentimento do seu parceiro

    As duas partes precisam estar envolvidas no processo, sempre!

    Experimente

    O swing é feito de erros e acertos. Procurem verificar pessoalmente e não por relatos de outros. O que serve para eles pode não servir para vocês.

    Criem suas próprias regras

    A cumplicidade do casal é fortalecida quando existe um código que só vocês conhecem.

    Camisinha sempre

    Dispensa comentários, né?

    Façam um orçamento

    Swing é uma coisinha que se você deixar, consome todo o seu dinheiro. Planejem os  gastos com baladas, bebidas e festinhas para não ter nenhuma surpresa desagradável no fim do mês.

    Beleza é relativa

    Não se guiem apenas pela beleza física. Existe muito mais por trás de um rostinho bonito do que vocês podem imaginar, e nem sempre é bom ou vale a pena.

    Swing não salva casamento

    Se o seu casamento não está indo bem de nada vai adiantar praticar a troca de casais. Ele, o swing, funciona como um “booster”: se a relação está boa, ele melhora; se está ruim, piora.

    Cuidado com os desconhecidos

    Sempre que for conhecer alguém marque em lugar público como um bar ou casa de swing; e estejam preparados para uma agradável surpresa ou uma grande decepção. Tudo pode acontecer!

    Esses pequenos conselhos são um guia simples que qualquer casal pode colocar em prática. Dessa forma vocês não ficam totalmente no escuro ao começar a vida liberal e isso, meus queridos, já é uma grande vantagem! Se ainda quiserem saber mais sobre qualquer assunto, fiquem à vontade para navegar pelo site e descobrir um mundo incrivelmente delicioso!

    Manuela: Começando o dia com uma boa trepada (19/02/2018)

    Oi, me chamo Manuela, tenho 29 anos, sou casada. Hoje acordei com uma vontade incomum de fazer um amor bem gostoso.

    Meu marido estava dormindo, dei um beijo bem gostoso de bom dia, levantei e fui tomar um banho bem relaxante. Comecei a me ensaboar, aquela espuma caindo do meu corpo, foi excitante ver e sentir.

    Comecei a me tocar de um jeitinho bem gostoso, tocar meus seios que ficaram com os mamilos bem rígido (meus seios são medianos,apesar d’eu ter uma filha, eles são firmes e bem redondinhos). Comecei a toca-los, nesse momento começou a me dar uma sensação gostosa, desci uma das mãos ate a minha bucetinha que já estava meladinha internamente, meu clítoris estava inchadinho esperando ser acariciado por uma lingua bem fogosa.

    Enfiei um dedinho na minha bucetinha e comecei um movimento satisfatório de vai e vem, que gostoso, com a outra mão comecei a acariciar meu grelinho com movimentos circulares e firmes. Não demorou muito e eu gozei com vontade, como se um pau é que estivesse dentro de mim, minhas pernas ficaram bambas, ate a vista deu aquela escurecida, tive que me encostar na parede para não correr o risco de cair.

    Esperei por alguns minutos, recuperei-me, terminei o meu banho e sai em direção ao meu quarto no qual meu marido já estava me esperando e se masturbando (pois o safado me contou que se levantou para ir ao banheiro,quando abriu a porta não teve reação ao ver eu me masturbando, ficou olhando e excitado com aquilo). Ele me perguntou se eu já tinha acabado, respondi que nem tinha começado ainda.

    Deixei a toalha cair, subi na cama e fui engatinhando ate chegar a ele e comecei a beija-lo as pernas, coxas e subi ate a barriga dando leves beijos. Desci um pouquinho ate chegar naquele pau durinho e meladinho, comecei a chupar com vontade e com carinho, fiz movimentos de vai e vem com a boca, lambia toda a extensão do seu pau e dava alguns beijinhos na cabecinha rosada.

    Subi em cima do meu macho com uma vontade sublime e um tesão que estava me enlouquecendo, comecei a cavalga-lo bem de vagar, um compasso bem gostoso de ambos corpos, virei de costas para ele e me mantive sentada em seu pau, comecei a rebolar com calma, fui aumentando a velocidade e os movimentos. Ele entrelaçou as mãos em meu cabelo e deu uma ligeira puxada, quase gozei desse jeito (ele sabe que eu adoro uma boa puxada de cabelo)

    Ele me retirou de cima, deitou-me na cama e começou a me chupar e me lamber, sugar e soltar bem devagar o meu clitóris. Nesse mesmo momento ele introduziu um dedo na minha bucetinha, não teve como aguentar, gozei bem gostoso na boca dele… Nossaaa!!Uma loucura.

    Nesse mesmo momento, ele aproveitou o meu gozo e me colocou de quatro começou a lamber a minha bucetinha novamente. Pedi para ele me foder com toda a vontade, porque eu queria que ele derramasse o seu leitinho todo na minha bundinha.

    E assim ele fez, começou a me pegar de jeito, não teve como não soltar uns gritinho e uns gemidinhos, mesmo ele tentando abafa-los com a mão. Empinei meu bumbum mais um pouco e comecei a rebolar, fazer movimentos vai e vem, apertar aquele pau com a minha bucetinha.

    Ele não demorou muito, retirou seu pau de dentro de mim e gozou com vontade na minha bundinha, sujando meu corpo e deixando aquela porra escorrer no meu cuzinho.

    Me virei para ele, peguei seu pau que ainda estava bem duro e comecei a chupar e limpar todo o vestígio de porra que ainda esta escorrendo…

    QUE DELICIA, O meu dia esta sendo Perfeito.

  • Enviado ao Te Contos por Manuela
  • DICAS QUENTES PARA TRAZER A ESPOSA PARA O MUNDO DAS FANTASIAS A DOIS - PARTE 2

    Muitos maridos confundem “persistência” com “insistência”. Persistir significa buscar algo desejado se utilizando de diversas formas e métodos. Recuar para dar dois passos, saber a hora de dar um tempo. Insistir significa utilizar sempre o mesmo argumento em busca de um objetivo. Pior: alguns maridos optam pela “desistência” ao primeiro “não” a uma proposta para a realização de uma fantasia.

    Cada caso é um caso. Óbvio. Mas o primeiro “não” nunca pode ser visto como algo definitivo. Lembrem-se: para as esposas embarcarem é preciso antes de tudo que se sintam seguras para viajarem a dois.

    À primeira vista, as fantasias causam estranheza. Dividir a esposa? Vê-la com outro? Com outra? Na cabeça delas vêm pensamentos como: “Que absurdo! Será que ele está testando minha fidelidade? Será que ele não me ama mais? Será que ele está plantando isso pra poder me dizer que tá me traindo?”. Entendam: é estranho, mesmo.

    Por isso falamos na Parte 1 sobre a importância de sonhar. Um sonho é um sonho. Seja ele sonhado acordado ou dormindo. Dividir sonhos é um caminho. Mas não o único.

    Nessa parte 2, é importante o entendimento de que ELA é o foco da fantasia. Para que ela deixe de lado esses pensamentos ruins e se sinta segura, é importante que entenda bem: o foco do seu prazer é ela. Ela é a protagonista dos seus sonhos. Ela é a fonte do seu prazer.

    Perceba que não da pra querer que ela encare uma DP sem que ela surte ao ouvir pela primeira vez. Ou que faça um gang bang ou qualquer variante. Comece devagar. Bem devagar. Transforme aqueles eventos comuns do dia a dia do casal em momentinhos excitantes a dois. Crie com ela suas historinhas pessoais e intransferíveis.

    Mostre que aquela saída dela do banho e seu ritual de cremes e de colocar a calcinha são um belo show! E são mesmo! Cultive o tesao diário de ver esse showzinho. Ela pode ficar inibida no início, mas aos poucos a brincadeira ganha forma. E te falo que se um dia não rolar é até capaz dela sentir falta ou cobrar pela plateia após o banho. Um dia ela ficou 10 minutos pelada pelo quarto enrolando enquanto eu estava pagando uma conta no computador. Só quando eu fui ao quarto que ela começou a vestir a roupa…rsrsr…

    Sabe a hora de acordar? Nessa hora, os hormônios estão passeando pelo corpo. Ela tá cheirosa, com um cheiro só dela. Curta ela acordando, se espreguiçando, curta aquela metade de bunda de fora com a calcinha enterrada….Elogie os cabelos desgrenhados. Cabelos presos não são felizes.

    E quando estão andando juntos. Vale segurar o passo pra vê-la caminhar e depois contar no ouvido como foi gostoso contemplar o rebolado dela.

    Ela tá no banho ainda? Escolhe você a lingerie que ela vai usar e coloca em cima da cama. Se puder, faz uma surpresa e traz uma lingerie nova de presente. E deixa na cama com um bilhete apaixonado.

    Dá um grito da cozinha a chamando com urgência. Quando ela chegar, dá aquele beijo nela delicia e mostra o efeito do beijo em você. Depois continua o que tava fazendo. Você só queria ela perto um pouco.

    Lógico que são exemplos simples, até bobos, mas que dão a dimensão de quanto tesao tá espalhado pela vida de vocês. Deixe todos estes momentos claros.

    Comece devagar. Torne essas pequenas realidades momentos de grande prazer. São historinhas a momentos só de vocês!

    Acredite: isso abre portas…

    DICAS QUENTES PARA TRAZER A ESPOSA PARA O MUNDO DAS FANTASIAS A DOIS - PARTE 3

    Quando colocamos em prática o desafio de despertar a curiosidade das nossas esposinhas, vemos que a timidez é uma das maiores dificuldades que elas enfrentam. Falar sobre sonhos exige desprendimento, exige uma sensação de liberdade que leva um tempo pra aparecer. Como podemos saber se determinada situação a excitou mais ou menos se ela não tem coragem de falar?

    O que aprendemos em nossa história é que aquilo que a boca não fala, o corpo denuncia. E então, ao vê-la tímida, comecei a propor uma pequena brincadeira, simples, porém capaz de fazê-las destravar.

    Sempre que mostrava a ela algum filminho, foto, relato, ou contava algo em seus ouvidos, pedia que ela não falasse nada, e deixasse a xoxota dela responder por ela. Viu uma cena excitante? Se imagina nela e deixa que a xoxota responda pela dona. Então, conversávamos de uma forma bem excitante. Eu contando coisas em seus ouvidos e meus dedos sentindo o quanto ela ia reagindo a cada detalhe. Com isso aprendi que o que ela curtia sem que ela precisasse falar. E mulher não gosta de ser muito direta, mesmo. Então, ela entregava pra sua xoxotinha rosadinha delicia a missão de dedurá-la.

    Mais poucos, a brincadeira evoluiu pro quadril. Se uma cena ou história tivesse um detalhe bem interessante, não só a xoxotinha deveria responder se curtiu, mas ela deveria rebolar um pouquinho. Aí, a combinação de xoxota molhadinha com quadril rebolativo seriam o indicador de que aquilo trouxe muita excitação a ela.

    É uma de muitas brincadeiras, mas com a gente funcionou de um jeito muito gostoso. Rebolar é mais fácil que falar e às vezes muito mais gostoso.

    Tentem, brinquem, e nos contem como foi perguntar pra xoxotinha de suas esposas se elas estão curtindo as fantasias.

    Se quiserem, mandem fotos de dedinhos melados que a gente rebloga!!

    Baladinha com esposa

    Eu sou um típico homem casado brasileiro. Minha esposa e eu fazemos sexo talvez uma vez por semana, e dependendo dos nossos problemas profissionais durante a semana, às vezes o sexo passa até batido e ou despercebido…

    Quando nós nos casamos a minha esposa era daquelas que só conheciam a posição sexual missionária, e algumas pequenas variações da mesma… Nada mais do que isso.

    Mas tudo isso mudou com uma situação acidental nossa. Minha esposa e eu fizemos um acordo para apimentar a nossa relação que estava muito fria, ela veio com a ideia de que precisávamos voltar ao básico e recomeçar.

    Ela me disse que precisava da atenção extra de outro homem e que eu precisava presenciar tudo…

    Ou seja, ela queria se exibir, se insinuar para outro homem, e eu teria que presenciar tudo à distância.

    Eu pensei que ela estava louca, mas ela me disse para ouvi-la e deixar acontecer, e que era pra eu confiar nela.

    Ela então propôs se vestir com um microvestido, super curto, branco, que realçava e marcava a sua calcinha, ela se maquiou toda, passou um batom muito vermelho, e nós seguimos em direção a um bar, que ficava no lobby de um hotel bem conhecido em nossa cidade, e que era perto de onde nós moramos o (Isso me causava uma grande ansiedade, angústia e nervosismo.)

    Imaginar que ela poderia conhecer um homem que ela se sentisse atraída, e fosse meter com ele em um quarto daquele hotel me deixava louco de excitação. Esse bar é conhecido em nossa cidade como o reduto dos solteiros(as), caso você esteja afim de conhecer alguém, esse é o local certo.

    Sua ideia era que, se ela achasse o tal homem , então ela me mandaria entrar no bar e ela me apresentaria como um velho colega de faculdade . Ela então me apresentaria ao homem que ela acabava de conhecer e eu teria que me sentar ali mesmo ao lado dela enquanto ela flertava para frente e para trás com ele. Eu concordei com o seu plano, e ela partiu para a ação…

    Eu quero enfatizar que isso tudo era muito louco pra mim, mas eu também sou homem suficiente para admitir que a minha esposa é muito sensual e gostosa, e por isso eu tinha certeza que o seu plano funcionaria, (eu estava disposto a tentar…)

    Eu sabia que ela não teria nenhum problema em chamar a atenção de todos!

    Ela partiu pro o bar do hotel e me disse que ela me enviaria um texto no whatsapp se encontrasse um homem que ela gostasse. Me sentei no lobby e aguardei… Passaram umas duas horas, e eu estava surpreso com o fato de que ela ainda não havia feito nenhum contato… Nem de texto.

    Então, cerca de meia hora depois, recebi o texto. Ela me disse: “Venha aqui, mas lembre-se que te amo com todo o meu coração”.

    Minha mente começou a se perguntar o que diabos ela estava fazendo, especialmente com a quantidade de tempo que havia se passado…

    Eu entrei na área do bar e vi minha esposa sentada ao lado de um homem. Meu palpite era que ele tinha cerca de uns 45 anos e era um homem bem afeiçoado. Quando eu me aproximei do bar, vi que ele tinha o braço meio que ao redor dela com a mão na parte de trás da cadeira. Eu pedi uma bebida e estava de pé atrás de algumas pessoas no bar a cerca de três metros de distância. Eu tenho que admitir que eu podia sentir o meu coração acelerado batendo no meu peito… Ela virou-se para olhar ao redor e me viu de pé ali. Ela gritou para mim e disse “Oh meu Deus, Evandro, vem cá…”

    Eu caminhei até ela, e o homem retirou a mão de sua cadeira. Ela se virou para ele e lhe falou que eu era um amigo de faculdade, e que ela tinha estudado comigo. Ela então se levantou e me deu um grande abraço. Ela voltou a se sentar ao lado desse homem, e me apresentou a ele. Seu nome era Thomas. Apertei a sua mão e perguntei a minha esposa como ela estava… Ela continuou me dizendo que estava bem e falou pro Thomas que ela teve a maior paixão por mim na faculdade, e outras coisas mais… Eu joguei, e disse a ela que eu não tinha ideia dessa paixão… kkk.

    Eu disse ao Thomas que ela era a mais linda da nossa turma, e que nunca me imaginei tendo qualquer chance com ela…

    Nós fomos de um lado para o outro como se tivéssemos acabado de nos reconectar e reencontrar… A situação era uma loucura…

    Ela comentou sobre o meu anel de casamento e eu disse a ela que eu era casado sim, mas o sexo não é o que costumava ser…Ela então disse: “Oh, meu Deus, eu estava dizendo ao Thomas que eu tenho o mesmo problema.” Tomas então disse que ele estava falando para ela que nenhum homem em sã consciência poderia se cansar de uma mulher como ela. Ele a encheu de elogios, falou quão linda ela era, e quão sexy ela olhava pra ele.. . Ele perguntou minha opinião. Eu disse a ele que isso pode acontecer após 20 anos de casamento! Mas eu também falei que ela estava mais linda agora do que na época de faculdade.

    Minha esposa balançou a cadeira em direção ao Thomas com as pernas abertas, virou a cabeça para mim… e me pediu para guardar sua cadeira que ela já voltaria. Eu disse, claro, enquanto o Thomas olhava diretamente para para baixo entre as pernas abertas da minha esposa! Sua mini saia era muito curta e mostrava sua calcinha branca e sua bucetinha depilada marcando a calcinha… Uma cena alucinante !

    Era nítido que a atenção de todos estava voltada para as pernas da minha esposa, que as cruzava e descruzava a todo instante. Eu pedi uma caipirinha, e minha esposa fez questão de dar aquela voltinha básica para o Thomas ver todo o seu corpo. Ela foi ao banheiro, e pediu ao Thomas que lhe acompanhasse…

    Passou-se cerca de uns 30 minutos, e ela volta do banheiro, me deu um beijo na boca, segurou a minha mão, e me arrastou pra fora do bar… Entramos em nosso carro, e entes que eu pudesse perguntar pelo Thomas, ou o que tinha acontecido, ela levantou a saia, e me mostrou a sua bucetinha toda vermelhinha… Ela me disse, “Aqui corninho… Olha bem pra minha pererequinha toda esfoladinha… Acabei de dar pra um pauzão de uns 20cm,.. E ele me fudeu todinha…

    Ela falava isso enquanto me beijava, eu podia sentir o gosto de porra na boca dela… Ela me disse que ele havia gozado na sua boca, e que ela não havia lavado justamente para eu sentir o gosto de seu amante…

    Minha gente, essa foi o momento de maior excitação na minha vida…a sensação era única, eu queria saber cada detalhe… Ela me contou que eles entraram no banheiro masculino, trancaram a porta, ele a virou de costas contra a parede, levantou a sua saia, puxou a sua calcinha pro lado e a penetrou por trás com força… Mordendo suas orelhas e seu pescoço… Depois de algumas metidas ele sentou no vaso, e ela se sentou no pau dele…

    Ela rebolava e gemia pedindo mais… uuiiiii… Quando ele sentiu que ia gozar ele se levantou, colocou minha esposa de joelhos e encheu sua boquinha de leite… E foi esse leitinho do Thomas que ela trouxe pra mim, e que eu estava sentindo o gosto em seus beijos alucinantes… Naquele momento eu me enchi de coragem e falei, eu quero ser seu corninho pra sempre meu amor !

    Foi uma sensação indescritível de liberdade. Eu sabia que as pessoas no bar haviam notado o que tinha acontecido.. E quanto mais pessoas sabiam, mais eu ficava excitado…

    Fomos para casa e  transamos feito dois adolescentes. Desesperados de tesão ! Foi absurdamente gostoso ! Sou corno, mas sou muito feliz !!

    fetichessemrodeios

    Baladinha com esposa

    Eu sou um típico homem casado brasileiro. Minha esposa e eu fazemos sexo talvez uma vez por semana, e dependendo dos nossos problemas profissionais durante a semana, às vezes o sexo passa até batido e ou despercebido…

    Quando nós nos casamos a minha esposa era daquelas que só conheciam a posição sexual missionária, e algumas pequenas variações da mesma… Nada mais do que isso.

    Mas tudo isso mudou com uma situação acidental nossa. Minha esposa e eu fizemos um acordo para apimentar a nossa relação que estava muito fria, ela veio com a ideia de que precisávamos voltar ao básico e recomeçar.

    Ela me disse que precisava da atenção extra de outro homem e que eu precisava presenciar tudo…

    Ou seja, ela queria se exibir, se insinuar para outro homem, e eu teria que presenciar tudo à distância.

    Eu pensei que ela estava louca, mas ela me disse para ouvi-la e deixar acontecer, e que era pra eu confiar nela.

    Ela então propôs se vestir com um microvestido, super curto, branco, que realçava e marcava a sua calcinha, ela se maquiou toda, passou um batom muito vermelho, e nós seguimos em direção a um bar, que ficava no lobby de um hotel bem conhecido em nossa cidade, e que era perto de onde nós moramos o (Isso me causava uma grande ansiedade, angústia e nervosismo.)

    Imaginar que ela poderia conhecer um homem que ela se sentisse atraída, e fosse meter com ele em um quarto daquele hotel me deixava louco de excitação. Esse bar é conhecido em nossa cidade como o reduto dos solteiros(as), caso você esteja afim de conhecer alguém, esse é o local certo.

    Sua ideia era que, se ela achasse o tal homem , então ela me mandaria entrar no bar e ela me apresentaria como um velho colega de faculdade . Ela então me apresentaria ao homem que ela acabava de conhecer e eu teria que me sentar ali mesmo ao lado dela enquanto ela flertava para frente e para trás com ele. Eu concordei com o seu plano, e ela partiu para a ação…

    Eu quero enfatizar que isso tudo era muito louco pra mim, mas eu também sou homem suficiente para admitir que a minha esposa é muito sensual e gostosa, e por isso eu tinha certeza que o seu plano funcionaria, (eu estava disposto a tentar…)

    Eu sabia que ela não teria nenhum problema em chamar a atenção de todos!

    Ela partiu pro o bar do hotel e me disse que ela me enviaria um texto no whatsapp se encontrasse um homem que ela gostasse. Me sentei no lobby e aguardei… Passaram umas duas horas, e eu estava surpreso com o fato de que ela ainda não havia feito nenhum contato… Nem de texto.

    Então, cerca de meia hora depois, recebi o texto. Ela me disse: “Venha aqui, mas lembre-se que te amo com todo o meu coração”.

    Minha mente começou a se perguntar o que diabos ela estava fazendo, especialmente com a quantidade de tempo que havia se passado…

    Eu entrei na área do bar e vi minha esposa sentada ao lado de um homem. Meu palpite era que ele tinha cerca de uns 45 anos e era um homem bem afeiçoado. Quando eu me aproximei do bar, vi que ele tinha o braço meio que ao redor dela com a mão na parte de trás da cadeira. Eu pedi uma bebida e estava de pé atrás de algumas pessoas no bar a cerca de três metros de distância. Eu tenho que admitir que eu podia sentir o meu coração acelerado batendo no meu peito… Ela virou-se para olhar ao redor e me viu de pé ali. Ela gritou para mim e disse “Oh meu Deus, Evandro, vem cá…”

    Eu caminhei até ela, e o homem retirou a mão de sua cadeira. Ela se virou para ele e lhe falou que eu era um amigo de faculdade, e que ela tinha estudado comigo. Ela então se levantou e me deu um grande abraço. Ela voltou a se sentar ao lado desse homem, e me apresentou a ele. Seu nome era Thomas. Apertei a sua mão e perguntei a minha esposa como ela estava… Ela continuou me dizendo que estava bem e falou pro Thomas que ela teve a maior paixão por mim na faculdade, e outras coisas mais… Eu joguei, e disse a ela que eu não tinha ideia dessa paixão… kkk.

    Eu disse ao Thomas que ela era a mais linda da nossa turma, e que nunca me imaginei tendo qualquer chance com ela…

    Nós fomos de um lado para o outro como se tivéssemos acabado de nos reconectar e reencontrar… A situação era uma loucura…

    Ela comentou sobre o meu anel de casamento e eu disse a ela que eu era casado sim, mas o sexo não é o que costumava ser…Ela então disse: “Oh, meu Deus, eu estava dizendo ao Thomas que eu tenho o mesmo problema.” Tomas então disse que ele estava falando para ela que nenhum homem em sã consciência poderia se cansar de uma mulher como ela. Ele a encheu de elogios, falou quão linda ela era, e quão sexy ela olhava pra ele.. . Ele perguntou minha opinião. Eu disse a ele que isso pode acontecer após 20 anos de casamento! Mas eu também falei que ela estava mais linda agora do que na época de faculdade.

    Minha esposa balançou a cadeira em direção ao Thomas com as pernas abertas, virou a cabeça para mim… e me pediu para guardar sua cadeira que ela já voltaria. Eu disse, claro, enquanto o Thomas olhava diretamente para para baixo entre as pernas abertas da minha esposa! Sua mini saia era muito curta e mostrava sua calcinha branca e sua bucetinha depilada marcando a calcinha… Uma cena alucinante !

    Era nítido que a atenção de todos estava voltada para as pernas da minha esposa, que as cruzava e descruzava a todo instante. Eu pedi uma caipirinha, e minha esposa fez questão de dar aquela voltinha básica para o Thomas ver todo o seu corpo. Ela foi ao banheiro, e pediu ao Thomas que lhe acompanhasse…

    Passou-se cerca de uns 30 minutos, e ela volta do banheiro, me deu um beijo na boca, segurou a minha mão, e me arrastou pra fora do bar… Entramos em nosso carro, e entes que eu pudesse perguntar pelo Thomas, ou o que tinha acontecido, ela levantou a saia, e me mostrou a sua bucetinha toda vermelhinha… Ela me disse, “Aqui corninho… Olha bem pra minha pererequinha toda esfoladinha… Acabei de dar pra um pauzão de uns 20cm,.. E ele me fudeu todinha…

    Ela falava isso enquanto me beijava, eu podia sentir o gosto de porra na boca dela… Ela me disse que ele havia gozado na sua boca, e que ela não havia lavado justamente para eu sentir o gosto de seu amante…

    Minha gente, essa foi o momento de maior excitação na minha vida…a sensação era única, eu queria saber cada detalhe… Ela me contou que eles entraram no banheiro masculino, trancaram a porta, ele a virou de costas contra a parede, levantou a sua saia, puxou a sua calcinha pro lado e a penetrou por trás com força… Mordendo suas orelhas e seu pescoço… Depois de algumas metidas ele sentou no vaso, e ela se sentou no pau dele…

    Ela rebolava e gemia pedindo mais… uuiiiii… Quando ele sentiu que ia gozar ele se levantou, colocou minha esposa de joelhos e encheu sua boquinha de leite… E foi esse leitinho do Thomas que ela trouxe pra mim, e que eu estava sentindo o gosto em seus beijos alucinantes… Naquele momento eu me enchi de coragem e falei, eu quero ser seu corninho pra sempre meu amor !

    Foi uma sensação indescritível de liberdade. Eu sabia que as pessoas no bar haviam notado o que tinha acontecido.. E quanto mais pessoas sabiam, mais eu ficava excitado…

    Fomos para casa e  transamos feito dois adolescentes. Desesperados de tesão ! Foi absurdamente gostoso ! Sou corno, mas sou muito feliz !!

    safadoquerputinha

    Que delícia esse conto

    MFM Addiction. Liam and Will.

    We are lucky enough to have one of our regular playmates live very close by, we often get together for a few drinks and more often than not we all end up in the bedroom together.  The last time that we were all together it was a hot summer’s night and we were sitting around having a few cold drinks talking and laughing, just having an all round good time. Liam had gone to the fridge to get the next round and Will told me that he was going to give him a hand. Not long afterwards Liam came back in empty handed and knelt down in front of me, he put his hands on my knees and asked me if I wanted him to perhaps take things a little further. This wasn’t the first time we had all played together and I was more than keen, I nodded yes and he leaned forward and started kissing me on the lips with long slow deep kisses, his hands gently caressing my body. Will had walked back into the room, he was clearly enjoying the show. He watched as little by little Liam undressed me. I was sitting there in just my bra and panties when Will came over and pulled me to my feet he came up behind me and started to kiss me down my neck and across my shoulders as he undid the clasp of my bra and it fell to the floor, Liam moved down to take a nipple into his mouth and Will slipped my panties down over my hips and thighs dragging them to the floor, I stepped out of them and Will buried his face between my thighs tasting my wetness.

    Liam stood up giving me the perfect opportunity to take his very impressive cock in my mouth, I loved running my tongue along his ample length and sinking my mouth on his shaft to take all of him deep down my throat. Will’s skilful tongue had me ready to explode with my first orgasm, I was bucking my hips wildly into his face as it shattered through me.

    They eased me back to the couch and swapped ends. Liam spread my legs positioning himself in front of me and guided his cock into my pussy, the feeling of him stretching me as he slid it in was incredible and combined with sucking Will’s cock it was almost addictive (actually who am I trying to kid here it is most definitely addictive) Even better than that was the sensation of having Will’s cock buried deep inside my pussy, his hands caressing my breasts, fingers pinching my nipples as Liam licked my clit. I came so hard no words would be able to describe the intensity.

    After several more orgasms and many other various positions we could manages to tangle ourselves in, we ended up with Liam laying back and I was riding him, Will took full advantage of the situation coming up behind me and pressing a finger to my tight little asshole slipping it in, he lubed and prepared my ass for his cock and when he finally pushed it in I thought I might cum right then and there and I can tell you that it didn’t take long for me to be writhing around in ecstasy having both my holes filled at the same time. It was and still is the most intense orgasm I have experienced. Both Liam and Will couldn’t hold back and came inside me, the grunts and moans coming from them was so fucking sexy it made me feel like a goddess.  We all lay together on the bed afterwards; I was snuggled between them both while we talked and recovered, eventually we got up and resumed our drinking session and prepared for round 2.

    DICAS QUENTES PARA TRAZER A ESPOSA PARA O MUNDO DAS FANTASIAS A DOIS - PARTE 1

    Todo marido que fantasia coisas com a esposa passa por uma situação que faz muitos desistirem: como contar suas fantasias para a esposa de forma que ela sinta que embarcar nessa juntos pode ser algo muito prazeroso?
Eu passei por isso, e digo que por um
bom tempo tentei. Tentei de diversas formas, usando centenas de táticas e argumentos. Recebi negativas de todas as formas. Mas um dia, rolou! Rolou e foi delicioso. Mas ainda não foi a experiência definitiva. Passaram 3 anos até que a fantasia fizesse parte das mentes do casal.

    Aqui eu conto um pouquinho das minhas táticas para conseguir transformar as negativas em curiosidade e a curiosidade em prazer. Use e abuse delas. Não existe uma fórmula, mas vale compartilhar os caminhos que segui para abrir as portas do prazer em nossas mentes

    1- SONHAR NÃO É PECADO
Tudo começa com um sonho. Um pensamento, um argumento que torna aquela punheta ainda mais gostosa. Fantasiar com a esposa é algo extremamente prazeroso.
Mas a esposa ainda não está acostumada a saber disso de forma direta. Portanto, a melhor forma de começar é contar sonhos que teve. Aqui vai uma sugestão que deu certo e abriu a mente pra curiosidade. Contarei na primeira pessoa. Adapte da forma que achar mais legal, mas evite ser muito direto em relação a transas. Vale a sutileza nessa hora.

    O SONHO
Sonhei que estávamos numa festa, dessas de filme. Uma casa grande, bonita. Uma festa muito elegante, com pessoas muito bem vestidas, muita bebida rolando. Você estava num lindo vestido vermelho curto. Curtíamos a festa. A bebida e a música estavam ótimas. Nos beijamos e começamos uma leve pegação. Saímos da pista e fomos em direção a um jardim, meios deserto, onde os amassos continuaram de forma mais quente. Fomos para um canto discreto. Eu levantava seu vestido e conferi que você usava uma bela calcinha branca minúscula, que facilmente desceu e ficou na murada. “É para não marcar muito o vestido,
Você disse, rindo”. O tesão aumentou e no meio dos amassos você olhou por detrás do meu ombro e percebeu que alguém nos espiava de longe. Mas estava escuro e não sabia se era um homem ou mulher. Mas eu senti na sua supresa que você de repente ficou ainda mais molhada e tensa com aquela situação.

    Nessa hora, dê uma parada e diga que esse sonho era louco e estranhamente gostoso e pergunte se pode continuar. Se ela disse que sim, continue.

    E então nós pegávamos e você dizia que tinha alguém olhando, mas não parava os amassos. Então a pessoa pôde se aproximar um pouco e você percebeu que era um homem. A tensão foi grande e disfarçamos e entramos na festa. E então eu fui pegar uma bebida e você foi ao banheiro. Quando voltei com as bebidas, você demorou um pouco e voltou tensa do banheiro. Tomou a bebida toda e estava visivelmente transtornada. Eu percebi a tensão e perguntei que aconteceu, e você disse no meu ouvido que enquanto estava na fila do banheiro foi abordada por um garçom com um bilhete. Você achou que fosse alguma piada minha, pois estava escrito no bilhete: “a cena estava linda. Acho que você esqueceu algo no jardim. Se quiser pegar de volta, te entrego no balcão do bar.” 
Nessa hora você não entendeu o que era e quando entrou no banheiro tomou um susto, pois só lá dentro percebeu que tinha deixado a calcinha na murada. Você me disse que torcia para que fosse uma piada minha mas ainda estava com a imagem do homem misterioso que espiava a transa. 
E então, saiu do banheiro em direção ao balcão do bar e viu o mesmo vulto, com o mesmo terno grafite que estava te observando. 
Você disse que parou no meio do caminho e ele percebeu e chegou perto. Apenas disse: “queria que soubesse que a cena foi linda, queria ver quem era e só percebia lindas curvas femininas sendo devoradas. Mas confesso que foi um prazer conhecer primeiro o seu cheiro e seu bom gosto por
Calcinhas. Prazer, meu nome é Paulo.” E te deu a mão pra cumprimentar e você então percebeu a calcinha enrolada na mão dele. Apenas disse seu nome é se virou trocando as pernas. 
Eu olhava pra você tenso e cheio de tesao e ciúme com a situação e o relato. Você confessou que ficou mexida com o que aconteceu. Mas agora, no meio da pegação de vocês tinha um cara misterioso que agora tinha nome e que conhecia seu bom gosto por calcinhas e o seu cheiro. E ainda disse no meu ouvido que percebeu que esse Paulo era alto, bonito, com uma cara de safado. É bem cheiroso 
Acho que vale parar por aqui nesse primeiro sonho. A menos que ela fique curiosa e queira mais. E se ela quiser mais, você dá uma apimentada dizendo que quer
Ver a calcinha. Ao abri-la percebe que nela tem escrito “Paulo” e um número de telefone…. 
Sonhar não é proibido. Pode parar aqui ou pode evoluir. Contar esse sonho fazendo carinhos nela pode ser bem interessante. Não faça muitas perguntas. Deixe ela se soltar na mente e imaginar como seria. Tenho certeza de que após este começo, uma série de sonhos recorrentes invadirão a cama de vocês. É legal falar sobre o que mexeu com você nesse sonho. Vai dar muito pano pra manga. Mas nao vai fundo na sacanagem agora. Fica na sutileza. Não perca as próximas dicas.

    Sexo a 3: Minha mulher, Eu e um cara do pagode de sabado (30/09/2017)

    Ola a todos daqui do te contos, me chamo João Paulo. Eu e minha esposa moramos aqui no Rio de Janeiro. Ela é loira, 1,74 e 65kg. Mary é muito atraente e adora usar roupas provocantes. 

    Depois de 10 anos de casados, optamos por realizar nossas fantasias com responsabilidade e ousadia. Eu tenho 35 anos e ela 33. Somos de classe média e gostamos de conhecer outras pessoas para vivermos algumas aventuras.

    Sábado ( 30/09/2017) a tarde, fomos a um pagode muito conhecido, onde pessoas bonitas e provocantes frequentam nas tardes de sábado. Desta vez combinamos que ela iria paquerar algum rapaz que a interessasse. 

    Logo que chegamos Mary foi paquerada por um negro de mais ou menos uns 25 anos e corpo atlético. Nessas ocasiões ela costuma entrar no ambiente na frente e eu vou um pouco atrás observando os rapazes encarando-a. 

    O rapaz, já chegou junto de minha esposa se apresentando e dando beijinhos no rosto. Mary fez um pouco de charme mas não a ponto de dispensar seu novo amigo. Logo os dois começaram a dançar e o cara partiu para o ataque, ele se aproximou e dançou bem coladinho ao corpo da minha putinha. Não demorou muito para trocarem beijos na boca e roçarem um no corpo do outro.

    Eu ficava de longe, observando e sentindo um misto de tesão e ciúme.

    Depois de um tempo, como combinamos, Mary o atraiu para o carro e trocaram amassos em pleno estacionamento. Eu ficava de longe vendo minha esposa sendo agarrada por outro homem e imaginando as sacanagens que os dois estavam falando lá dentro. Pude perceber quando Mary se abaixou e iniciou um boquete no rapaz, durou bem uns 10 minutos. Mesmo olhando para os lados para ver se eventualmente passava alguém por perto, os dois pareciam loucos de tesão. 

    Sem aguentar mais, ele tentou convencer minha mulher de ir para um Motel. Foi aí que ela abriu o jogo e disse que era casada e só transaria com outro se o maridão tambem participasse, até ele entender bem o que estava acontecendo levou uns 15 minutos mas ele se entregou e topou comer minha mulher junto comigo.

    Mary simulou fazer uma ligação no meu celular e logo cheguei até o carro, me identifiquei, sentei no banco de trás e acompanhei minha mulher dirigindo com a mão sobre o pau do nosso amigo, as vezes eles trocavam beijos na boca e ele ficava elogiando minha esposa para mim: 

    - “como é gostosa essa sua esposa”. “Ela paga um boquete maravilhoso”. “Pega na minha pica, meu bem, e diz pro seu marido que você vai ser minha puta hoje”. 

    O cara entrou no clima logo e chegando no Motel ainda permaneci no carros mais alguns minutos para dar tempo dos dois ficarem mais íntimos. Quando cheguei no quarto me deparei com uma cena que me encheu de tesão; minha mulher de 4, na cama, pagando um boquete maravilhoso, ele estava de pé, segurando Mary pelos longos cabelos loiros e empurrava a cabeça da minha gata em direção ao seu pau. Mary adora ser fodida na boca e imaginei como devia estar melada aquela rachinha safada.

    Cheguei por trás e enfiei a lingua naquela bucetona quase toda depilada, ele então agradeceu por eu ter lubrificado ainda mais aquela xana e meteu fundo.

    Minha mulher gemia como uma cadela e rebolava naquela pica negra, ele fuderam em várias posições enquanto eu olhava. 

    Depois de um tempo fizemos uma dupla penetração na buceta da minha esposa. Ela foi às nuvens e voltou, gozava o tempo inteiro e pedia para ser xingada de vagabunda. 

    Logo ele se levantou e pediu o cuzinho de Mary, ela não gosta muito de fazer anal mas neste dia não precisou de um segundo pedido, foi logo ficando de 4 e disse: 

    - “vem seu puto, que esse rabo é todo seu”

    Antes disso, mais que depressa deitei por baixo e enfiei minha vara xaninha dela, fazia tempo que tinha vontade de ver minha esposa tomando uma rola na frente e outra atrás. 

    Ele lambuzou aquele cuzinho com um creme hidratante e foi penetrando bem devagar. Não demorou muito para aquela jeba entrar até o saco no cú da minha esposa, ele urrava e pedia: 

    - “vem seu puto, bomba dentro do meu cú, bomba. Rasga”.

    Depois de várias estocadas ele tirou o pau de dentro daquele cuzinho, arrancou a camisinha e esporrou na bunda de minha mulher. Por baixo eu sentia o leite dele cair nas minhas coxas enquanto eu penetrava aquela buceta safada. 

    Foi aí que levantei e ordenei Mary que abrisse a boca para eu despejar toda minha porra. Depois de um banho que deixou seu rosto todo melado, Mary ainda foi atrás do pau dele para sugar a última gota daquele gozo.

    Saímos do Motel do jeito que fomos: Mary dirigindo com ele ao lado e eu no banco de trás. No caminho de volta o cara foi brincando com o dedinho na racha da minha esposa. 

    Ao chegar no estacionamento do pagode, ele ainda pediu a Mary que pagasse mais um boquete, no que foi logo atendido. A noite já havia caído e não nos preocupamos com os transeuntes, ele mais uma vez gozou, desta vez largando um monte de porra na boca e no rosto de Mary. 

    Trocamos telefones e ficamos de repetira a aventura

  • Enviado ao Te Contos por João Paulo
  • putaecorno

    O Manual Secreto da Esposa Putinha

    maio 16, 2017 Rainha De Espadas  0 Comentário Há algum tempo atrás nós decidimos compartilhar com vocês um manual para o bom corno manso, para ajudar os homens que curtem a prática da cornitude (cuckolding) a aproveitar e conseguir o máximo de tesão da situação, no entanto, nós recebemos vários emails de leitoras com algumas dúvidas então decidimos também compartilhar esse manual secreto de uma esposa putinha e dominadora.

    DICA nº. 1 Provoque o maior número possível de homens que te interesse, mesmo que você não vá transar com todos, seja pelo menos a fantasia deles, para que no momento certo você possa usá-los para sentir prazer e dar prazer para o seu corno.

    Dica nº. 2 Durante o dia, dê ordens para o seu corno, se estiverem juntos como recompensa deixe que ele chupe seus seios, ou que te faça sexo oral até gozar, se não estiverem juntos a recompensa pode ser um video seu se masturbando, uma ligação telefônica enquanto transa com o macho alfa, ou fotos insinuantes que estimule a imaginação.

    Dica nº. 3 Mantenha-se provocante no dia-a-dia, mantenha seu corninho em constante estado de excitação por você. Provoque ele a todo momento, deixando-o viciado de tesão por você, e faça-o beijar seus pés e te acariciar, o maior tempo possível, a final de contas você é a rainha, faça valer seu título.

    Dica nº. 4 O amor que o corno sente pela esposa é proporcional ao quão safada e putinha ela é, então não tenha vergonha de ser quem você é, se insinue, ouse e provoque muito seu corno e os amigos do seu corno, quando estiver andando com ele de mãos dadas na rua, provoque os machos que te olharem, dê piscadinhas, sorrisinhos e demonstre o quão putinha você pode ser, discretamente ou de forma escancarada, dependendo da fantasia de vocês.

    Dica nº. 5 Perca a vergonha. Se o corno do seu marido te confessou que adoraria levar um par de chifres seu, extravase seus desejos, com suas roupas e atitudes, seja comida com os olhos e com as rolas. Vemos muitas hotwifes por aí que são muito safadinhas, mas na hora de se exibirem na rua, por exemplo, evitam um short bem curtinho, ou um vestido ousado com decote. O que é bonito é pra se mostrar, meninas!

    Dica nº. 6 Combine com o seu corno que você deve poder sair sempre que quiser e com quem quiser, e ele vai ter que deixar e com muito prazer. Faça-o ficar em casa esperando, bem mansinho, para quando você chegar contar tudinho para ele, mostrar as fotos e videos das suas noitadas com seus amantes.

    Dica nº. 7 Um macho comedor foi seduzido por você, e o encontro já está marcado? Faça o seu corno comprar aquela lingerie bem provocante, ou se não, faça-o escolher a lingerie que você vai usar para o outro macho, escolher o sapato e sua roupa. Fique bem putinha para o seu comedor.

    Dica nº. 8 Seja ousada, use roupas curtas, provocantes e o mais ousadas possíveis atentando para o ambiente e para a fantasia de vocês, essa é uma dica para todas as hotwifes e aspirantes, por que ser desejada por todos que olham para você na rua não tem preço, principalmente se você está com seu corno do lado, vendo tudo e morrendo de tesão.

    Dica nº. 9 Tenha MUITAS opções de amantes. Converse com vários homens que te interessem e que você sinta alguma atração física. Não precisa sair com todos, mas tenha-os à sua disposição, converse com muitos, provoque-os, seja desejada pelo maior número de homens possível. E permita que o corno do seu marido veja as putarias que te falam por mensagem sem poder opinar.

    Dica nº. 10 Fotos! Tirem muitas fotos e mandem para os seus amantes, pretendentes, coloquem nas redes sociais. Apareçam, meninas! E claro, faça seu corninho tirar fotos suas para você se mostrar o máximo possível.

    A gente fez esse manual, com o intuito de ajudar as esposas putinhas a se desinibirem para que enfim possam curtir essa fantasia deliciosa junto com seus maridinhos cornos. Então esperamos que tenhamos ajudado a ampliar mesmo que um pouquinho a visão de vocês sobre essa fantasia, tá bom?

    fonte :http://casalespadas.com.br

    amantesecretodf

    Para vc que quer ser uma ou tinha, segue aí algumas dicas!🔥😈