@06-11th
Thinking Out Loud
Posts
3269
Last update
2019-07-19 16:34:22

    Ninguém aparece na sua vida por acidente. Aquela troca de olhares não foi à toa. Aquela química inexplicável tinha que acontecer. “Poderia não ter me apaixonado, poderia ter sido diferente”. A verdade é que não, não poderia. Aquela história precisava acontecer. A lição só poderia ser aprendida exatamente nessa relação. Dentre bilhões de pessoas no mundo, justo essa te fez sorrir de forma especial. Te trouxe incríveis sensações, experiências e arrepios. Quando a nossa vida é tocada intensamente por outra vida, o curso dela de alguma forma é alterado. A rota muda. O destino, os planos e as ideias se refazem. Nos renovamos a cada encontro. Não tem como apagar cada vez que fomos impactados. Conhecemos exatamente quem deveríamos conhecer. Nos apaixonamos exatamente por quem deveríamos nos apaixonar. Desviamos o caminho sim, mas foi pra chegar onde chegamos. Somos uma coleção de nossos amores, desilusões, alegrias e aprendizados. Independente das cicatrizes e das marcas tudo aconteceu exatamente como deveria acontecer. Nada diferente disso". – Amanda Fitas.

    murmurios

    “Você nasceu no lar que precisava nascer, vestiu o corpo físico que merecia, mora onde melhor Deus te proporcionou. Você possui os recursos financeiros coerentes com tuas necessidades, nem mais, nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas. Seu ambiente de trabalho é o que você elegeu espontaneamente para a sua realização. Teus parentes e amigos são as almas que você mesmo atraiu, com tua própria afinidade. Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle. Você escolhe, recolhe, elege, atrai, busca, expulsa, modifica tudo aquilo que te rodeia a existência. Teus pensamentos e vontades são as chaves dos seus atos e atitudes. São as fontes de atração e repulsão na jornada da tua vivência. Não reclame, nem se faça se vítima. Antes de tudo, analisa e observa. A mudança está em suas mãos. Reprograma tua meta, busca o bem e você viverá melhor. Embora ninguém possa voltar e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.”

    Chico Xavier - 02 de abril de 1910. 

    inverbos

    “Trancar o dedo numa porta dói. Bater com o queixo no chão dói. Torcer o tornozelo dói. Um tapa, um soco, um pontapé, doem. Dói bater a cabeça na quina da mesa, dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim. Mas o que mais dói é a saudade. Saudade de um irmão que mora longe. Saudade de uma cachoeira da infância. Saudade de um filho que estuda fora. Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais. Saudade do pai que morreu, do amigo imaginário que nunca existiu. Saudade de uma cidade. Saudade da gente mesmo, que o tempo não perdoa. Doem essas saudades todas.”

    Tati Bernardi.

    taquigrafia

    “E aí vem uma pessoa e muda tudo. Revira o que você tomava por certo, bagunça um pouco sua perspectiva das coisas, atropela seus medos mais internos pra longe e cria novos deles ao mesmo tempo. Faz com que o teu passado fique, pela primeira vez na vida, no passado. Enterra sua insegurança. Te leva a repensar tudo que costumava fazer de errado e também te dá vontade de melhorar. Alguém, enfim, te muda sem te forçar, algo que você com seu jeito marrento julgava impossível. O mundo parece muito distante quando ele tá por perto. Um dia desses você se vê no telefone às três da manhã, mesmo morrendo de sono, sorrindo pra parede e com a sensação de que não tem ninguém no mundo mais feliz do que você naquele momento. E esse alguém te pega de jeito.”

    Vinícius Kretek