@1turbilhao
De qualquer forma..
Talvez eu te encontre num bar ou na padaria. No trago ou na fumaça do cigarro.
Posts
6144
Last update
2021-01-15 04:09:05

    você sente que ele está distante e que as conversas já não são mais intermináveis como antigamente. você percebe direitinho ele deixar aquele lugar especial no teu coração. como se não importasse, como quem acaba de ler um livro e o deixa largado em um lugar qualquer. mas você não faz nada. porque aprendeu que insistir é muito mais dolorido do que simplesmente deixar ir. você sabe que acabou. já é perceptível. e dentro de você vai resistindo as lembranças de um tempo em que não havia pressa para ir dormir, que não havia pressa para ir embora. você vai resistindo o abraço apertado que hoje já não encaixa mais. vai resistindo o papo trocado às madrugadas e que hoje não tem o mesmo fluxo daquele rio intenso do começo.  você vai resistindo as lembranças do que vocês foram um dia, vai resistindo ao adeus… (que ainda não foi dado).

    céu de júpiter e ruan guimar

    Alguns sentimentos por mais duros que sejam não podem ser sufocados. Precisa sangrar, precisa doer. Precisa fazer chorar e virar a noite amaldiçoando Deus e o mundo por não ter dado certo mais uma vez. Você se joga esperando que o outro te segure e nessa, desmorona quando não é o que se imaginava. Tentar e tentar mais só nos deixa mais fechados. Não adianta quantas histórias são contadas, a gente sempre se sente insuficiente. E se questiona se talvez, algo por milagre pudesse ter sido feito, pudesse ter sido dito, quem sabe mais uma palavra, mais um abraço, mais uma lágrima. Nada muda o fato de que se não foi feito pra durar, não dura por mais que tentemos todos os dias. E dói. Aceitar dói. E não passa de um dia para o outro. Vai continuar doendo, até não doer mais nada. E junto com isso, nada mais sentir.

    pieces.